quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Homem é morto a tiros em Caçador

O Crime aconteceu em frente a uma casa Noturna




Um homem foi morto em uma casa noturna localizada próxima da sede da empresa Adami. Osnir Ferreira Dias, de 42 anos, havia acabado de chegar quando foi surpreendido com um tiro que atingiu seu peito. Ele morreu na hora e o acusado de ser o autor do disparo fugiu.

Segundo testemunhas que estavam no local no momento em que Dias chegou não houve discussão. Uma delas afirmou que viu o homem caído no chão e notou que um carro saiu em disparada. “Do lado de fora do bar estava uma mulher, o homem que deu o tiro e outros três sentados em uma mesa. Achamos que era um rojão e quando saímos, vimos ele caído”, disse.

A testemunha afirmou ainda que um de seus amigos foi ameaçado pelo acusado, “Antes desse cara sair, ele colocou o revolver no peito do meu amigo e disse que ia matar ele também, só que a mulher o puxou para dentro do carro e os dois saíram em disparada”, completou a testemunha.

A Polícia Militar foi chamada, mas não encontrou o acusado. O Instituto Geral de Perícia (IGP) foi acionado e a Polícia Civil investiga o caso. O corpo de Dias foi liberado nesta segunda-feira, 13.

Fonte: Caçador On Line

Nenhum comentário:

Postar um comentário