segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Três adolescentes são condenados por estuprar garota de 15 anos em uma festa em Joaçaba


Estupro ocorreu em outubro de 2008 durante uma festa de amigos


Dois adolescentes foram condenados na sexta-feira pela Justiça de Joaçaba, no Meio-Oeste de Santa Catarina, por terem estuprado uma garota de 15 anos, filmado a ação e divulgado as imagens na internet. O crime aconteceu em outubro de 2008, durante uma festa.

O jovem que aparece nas imagens mantendo relações sexuais com a vítima, na época tinha 18 anos. Ele foi condenado a sete anos e seis meses de reclusão em regime semiaberto. Ele ainda terá de cumprir um mês de detenção por omissão de socorro e mais dois meses por fornecer bebida alcoólica para menor.

O rapaz que filmou o crime e divulgou as imagens na internet, que também tinha 18 anos na época do estupro, foi condenado a dois anos e oito meses de reclusão em regime aberto pela inserção do conteúdo na rede e mais um mês e cinco dias de detenção por omissão de socorro.

Outra adolescente, que tinha 19 anos quando ocorreu o crime, foi condenada a um mês de detenção por omissão de socorro. Mas, como a pena é baixa e já passou muito tempo depois do crime, o prazo já prescreveu e a jovem não terá de cumprir a pena.

O promotor Protásio Campos Neto, que ofereceu as denúncias à Justiça, recorreu à decisão do juiz Ademir Wolff na tarde desta segunda-feira. Ele acredita que o adolescente que aparece mantendo as relações sexuais com a vítima deve cumprir a pena em regime fechado.

— Estupro é um crime hediondo. E, por conta disso, a pena deve ser cumprida, inicialmente, em regime fechado — defende.

Neto reitera que todos os condenados poderão recorrer à sentença junto ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina. O promotor explica que outros dois maiores, que também haviam sido denunciados pelo crime, aceitaram a proposta de transação penal feita pela Justiça.

Eles respondiam pelo crime de omissão de socorro. Os menores que participaram da festa também já tiveram os casos analisados pelo juizado da Infância e Juventude.

O crime

O estupro ocorreu no dia 25 de outubro de 2008 durante uma festa de amigos, todos de classe média, em uma casa na área central de Joaçaba. Segundo a polícia, muitos beberam, inclusive a vítima, que passou mal e procurou o banheiro, onde foi violentada.

Nas imagens que circularam na internet, a adolescente parece desacordada durante o estupro. Treze pessoas estavam na festa, entre elas três adultos. Ninguém chamou a polícia. Um tio da jovem denunciou o crime dias depois, após ver as imagens na internet.
DC
Daisy Trombetta | daisy.trombetta@diario.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário