quinta-feira, 14 de julho de 2011

Uma hora depois de receber pista, polícia prende trio envolvido em latrocínio no Oeste de SC

Grupo foi identificado por usar cheques roubados da vítima


Uma hora após receber uma pista sobre os envolvidos em um latrocínio — roubo seguido de morte — a polícia de Abelardo Luz, no Oeste de Santa Catarina, prendeu os suspeitos. Nilson José Ferreira, 19 anos, Paulo Alves, 18 e um adolescente foram detidos no início da tarde desta quarta-feira.

Por volta das 11h, um taxista foi até a polícia denunciar o recebimento de um cheque sem fundo, cujo dono havia sido assassinado no dia anterior. O motorista contou que, na noite anterior, recebeu o cheque no valor de R$ 1500 do trio que queria pagar uma corrida e mais algumas dividas que eles já tinham.


De acordo com o motorista ele devolveu R$ 500 na hora, mas ficou de trocar o cheque e devolver o restante. O combinado era entregar a diferença no dia seguinte, na frente do banco.

Ao chegar no banco, o taxista descobriu que não havia fundo e que o dono do cheque, Richeto Pertile, 78 anos, havia sido assassinado. Ele informou à polícia que aproveitou o encontro do motorista com os homens para pegá-los.


Somente Nilson apareceu, sendo preso na hora. Ele entregou os outros dois, que foram detidos em casa. O grupo confessou o crime. Segundo ele, Pertile era um amigo. Depois da passar a tarde com a vítima assistindo futebol, eles o mataram para pegar dinheiro e cheques.


O trio permanece detido. A polícia investiga para confirmar o envolvimento do adolescente no crime.

Fonte: DIÁRIO CATARINENSE

Nenhum comentário:

Postar um comentário